Clubes
Competições
Publicidade
Atlético vence a Chapecoense e confirma segundo lugar no Brasileiro
Bruno Cantini / CAM
Patric fechou o placar no Mineirão

O Atlético assegurou o vice-campeonato brasileiro, com 69 pontos, ao vencer a Chapecoense por 3 a 0, neste domingo, pela 38ª e última rodada do Campeonato Brasileiro.

A partida foi disputada no Mineirão, em Belo Horizonte, e foi assistida pelo novo técnico, o uruguaio Diego Aguirre.

Os gols foram marcados por Thiago Ribeiro, Leonardo Silva e Patric.

Com a segunda colocação, o Atlético se classifica direto para a fase de grupos da Copa Libertadores da América, competição que venceu em 2013 e que disputará pelo quarto ano consecutivo.

Os principais artilheiros da equipe alvinegra no Brasileirão 2015 foram: Lucas Pratto (13 gols), Thiago Ribeiro (9), Luan (7), Dátolo (7), Giovanni Augusto (5), Jemerson (4), Carlos (3), Leonardo Silva (3) e Patric (3).

O próximo desafio do Atlético será a Florida Cup, nos Estados Unidos, em janeiro. A estreia do Galo na competição acontecerá no dia 13 de janeiro, contra o Schalke 04, da Alemanha, no estádio Lockhart, em Fort Lauderdale, na Florida.

O JOGO

O Atlético foi para cima logo no começo e levou perigo em três cruzamentos consecutivos, dois pela direita, com Marcos Rocha, e um pela esquerda, com Patric, todos cortados pela defesa catarinense.

os 14 minutos, mais um cruzamento de Marcos Rocha pela direita e, desta vez, a bola parou nas mãos do goleiro Nivaldo, após desvio de cabeça do zagueiro. Em seguida, Luan cruzou também pela direita e Nivaldo saiu do gol para fazer a defesa.

A equipe visitante ameaçou aos 22 minutos na jogada de Gil pela direita e a zaga atleticana conseguiu fazer o corte depois de confusão na área.

O Galo respondeu logo em seguida. No lance, Patric tabelou com Lucas Pratto pela esquerda, foi à linha de fundo e cruzou rasteiro, a defesa fez o corte parcial e Luan arriscou de fora da área, mas a bola saiu à direita do gol.

Aos 29 minutos, Patric cruzou rasteiro pela esquerda e Jemerson foi travado ao tentar a finalização. No minuto seguinte, Thiago Ribeiro avançou pela esquera e tentou passe para Luan, mas a bola foi interceptada pelo defensor da Chapecoense.

O primeiro gol quase saiu aos 31 minutos, quando Marcos Rocha recebeu ótimo passe de Rafael Carioca pela direita, cruzou rasteiro e Thiago Ribeiro errou a conclusão.

Aos 34, Marcos Rocha fez novo cruzamento pela direita e o zagueiro catarinense fez a interceptação. Dois minutos mais tarde, Lucas Cândido fez boa jogada na intermediária pela esquerda e chutou rasteiro, exigindo boa defesa de Nivaldo no canto direito.

A pressão alvinegra continuou nos cruzamentos de Luan, pela direita, e Patric, pela esquerda, cortados pela zaga alviverde. Aos 38, Thiago Ribeio recebeu ótimo passe de Giovanni Augusto e tocou na saída do goleiro para fazer Galo 1 x 0.

A equipe catarinense levou perigo no chute de Camilo e a bola saiu à direita de Victor, rente à trave.

SEGUNDO TEMPO

O técnico interino Diogo Giacomini mandou a campo o mesmo time que iniciou a partida. A Chapecoense foi a primeira a chegar ao ataque no chute de Camilo, rente ao travessão.

Aos cinco minutos, Giovanni Augusto cobrou escanteio pela direita, Leonardo Silva subiu mais que a zaga e cabeceou para fazer Galo 2 x 0.

Aos onze minutos, Victor defendeu a finalização de Ananias. Em seguida, Lucas Pratto saiu cara a cara com o goleiro e foi desarmado ao tentar o drible. Luan ainda pegou o rebote e tentou passe para Giovanni Augusto, mas a defesa conseguiu cortar.

Aos 15 minutos, Patric tabelou com Thiago Ribeiro, recebeu a devolução na área e caiu pedindo pênalti, a bola sobrou para Lucas Pratto, o argentino limpou a jogada e concluiu para fora.

A Chapecoense ameaçou no chute de Hyoran, defendido por Victor. Aos 22 minutos, Marcos Rocha tabelou com Lucas Pratto pela direita e tocou para Patric chutar de primeira e fazer o terceiro gol atleticano.

Aos 25, Patric recebeu ótimo passe de Thiago Ribeiro e concluiu para fora. Dois minutos depois, Victor fez grande defesa no cabeceio de Hyoran.

Aos 28 minutos, Rafael Carioca foi substituído por Eduardo, que logo teve grande oportunidade e finalizou por cima do gol. Aos 33, Cardenas entrou no lugar de Giovanni Augusto. Cinco minutos depois, foi a vez de Lucas Pratto deixar o campo para a entrada de Carlos.

Aos 40 minutos, Patric recebeu grande passe de Cardenas na grande área, mas o zagueiro chegou para afastar o perigo. Depois do jogo, os atletas se reuniram no meio do campo para saudar a torcida.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO 3 x 0 CHAPECOENSE
Motivo: 
Campeonato Brasileiro (38ª rodada)
Data: 06/12/2015
Hora: 17h
Estádio: Mineirão
Cidade: Belo Horizonte (MG)
Gols: Thiago Ribeiro (38′), Leonardo Silva (50′), Patric (67′)
Público: 
32.229
Renda:
 R$ 733.720,00
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (Fifa/GO)
Auxiliares: 
Fabricio Vilarinho da Silva (Fifa/GO) e Bruno Raphael Pires (Asp. Fifa/GO)
Cartões amarelos:

Atlético
Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Patric; Lucas Cândido, Rafael Carioca (Eduardo) e Giovanni Augusto (Cardenas); Luan, Thiago Ribeiro e Lucas Pratto (Carlos) Técnico: Diogo Giacomini.

Chapecoense
Nivaldo; Mateus Caramelo, Rafael Lima, Willian Thiego e Tiago Gosta; Gil, Elicarlos (Maylson), Camilo e Ananias (Wanderson); Bruno Rangel e William Barbio (Hyoran) Técnico: Guto Ferreira.

 

Fonte: Site Oficial do Atlético-MG

Visualizações Visualizações: 444  
Data e Hora em que foi cadastrado Segunda, 14/12/2015 às 12:00:16


Próximos jogos
Últimos Jogos
Internacional
Cruzeiro
2 0
Atlético-MG
Chapecoense
3 0
Cruzeiro
Joinville
3 0
Grêmio-RS
Atlético-MG
2 1
Atlético-MG
Goiás
2 2
Palmeiras
Cruzeiro
1 1


42 Publicidade