Clubes
Competições
Publicidade
Atlético-MG larga na frente e vence a primeira partida da decisão
Apático, time celeste não consegue bater o galo no Horto mais uma vez
Bruno Cantini / Atlético-MG
Dátolo e Luan construiram o placar no Horto

Por Emerson Jorge

 

No primeiro jogo da final da Copa do Brasil, vitória do Atlético-MG por 2 a 0. De um lado, sobrou vontade e do outro faltou muita coisa.

Jogo truncado no início, pressão dos dois lados. Aos poucos, o time de Levir Culpi foi ganhando espaço e estava bem postado. Absoluto na defesa com a segura exibição de Jemerson, ganhou o meio campo com o domínio de Dátolo e bagunçou na frente com a vontade de Luan.

O palco do confronto, poder do canto e do grito da torcida, e o desenrolar nos 90 minutos foram favoráveis ao Galo. Erros de arbitragem fazem parte do futebol, ainda mais em uma decisão de título nacional, completamente complicada e nervosa.

A garra, determinação, comprometimento e respeito ao torcedor falou mais alto no Horto e justifica o resultado. A força de vontade para conquistar um título inédito, foi vista no Independência com os personagens, Dátolo e Luan. A vibração em cada jogada, cada lateral conquistado e cada jogada criada, resultaram na vibração atleticana por duas vezes.

O lado tático do jogo, foi importante na marcação. O Atlético, não deixou o Cruzeiro jogar e forçou vários chutões do time de Marcelo Oliveira. A nítida falta de opções e até o escasso volume de jogo, fizeram empobrecer o repertório celeste. O discurso pronto, é a única saída para uma exibição nada parecida a que o Brasil e o mundo acostumaram assistir do ano passado pra cá. A culpa no cansaço e no desgaste, justificam a mentalidade do Cruzeiro ontem no Independência.

É bom lembrar, a Copa do Brasil vai ser decidida em 180 minutos. Está 2 a 0 para o Atlético e a grande decisão no Mineirão, dia 26, será o último capítulo dessa história decidida por nós, mineiros, para todo Brasil ver.

ATLÉTICO-MG 2 X 0 CRUZEIRO

Motivo: Primeira partida da final da Copa do Brasil

Local: Estádio Independência, em Belo Horizonte (MG)

Data: 12 de novembro de 2014, quarta-feira

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (Fifa/RJ)

Gols: Luan, aos oito minutos do primeiro tempo; Dátolo, aos 13 minutos do segundo tempo

Cartões amarelos: Josué (Atlético-MG); Samudio (Cruzeiro)

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Josué, Leandro Donizete e Dátolo; Tardelli, Luan (Marion) e Carlos - 
Técnico: Levir Culpi 

CRUZEIRO: Fábio; Mayke, Bruno Rodrigo, Léo e Samudio; Lucas Silva (Nilton), Henrique, Everton Ribeiro (Júlio Baptista) e Ricardo Goulart (Dagoberto); Willian e Marcelo Moreno - Técnico: Marcelo Oliveira

Visualizações Visualizações: 727  
Data e Hora em que foi cadastrado Quinta, 13/11/2014 às 21:00:07


Próximos jogos
Últimos Jogos
Internacional
Cruzeiro
2 0
Atlético-MG
Chapecoense
3 0
Cruzeiro
Joinville
3 0
Grêmio-RS
Atlético-MG
2 1
Atlético-MG
Goiás
2 2
Palmeiras
Cruzeiro
1 1


42 Publicidade